11/08/2012

Aos 32, Luís Fabiano adia sonho de desbancar Serginho para 2015. Agora, quer título

Aos 32 anos, completados nesta quinta-feira, Luís Fabiano coloca a conquista de um título com o mais importante em sua carreira no São Paulo. A possibilidade de alcançar Serginho Chulapa como maior artilheiro da história do clube foi adida, pelo menos por enquanto, para 2015.

O artilheiro acredita que um título dará mais peso à sua história no clube. Os gritos de amarelão em 2004 e a volta da desconfiança – pelo menos por parte de uma torcida organizada – o abalaram muito. Com o título, acredita que não precisará superar Serginho para se consagrar como o grande atacante da história do clube.

Luís Fabiano tem 154 gols marcados e precisa de mais 89 para superar os 242 de Serginho. Quando chegou ao clube, no ano passado, tinha 118 gols e esperava ser o recordista até o final de seu contrato, previsto para março de 2015. Contusões o tiraram de muitos jogos – chegou a ficar sete meses sem jogar – e hoje, em conversa com amigos, já assumiu que será muito difícil conseguir o recorde.

Em 2012 foram 29 gols até agora, em 38 jogos. Com mais quatro jogos no Brasileirão e no máximo mais quatro na Sul-Americana, Luís Fabiano espera chegar a 160 gols. Faltariam 83, muito difícil de conseguir em dois anos e dois meses.

Mas, se chegar perto disso, o matador fará de tudo para renovar seu contrato até o final de 2015. Sua identificação com o clube é grande e aumentou quando, em conversas informais, o presidente Juvenal Juvêncio disse que gostaria de contar com ele no clube, mesmo depois da aposentadoria, em algum cargo diretivo.

Para ter um 2013 mais produtivo, Luís Fabiano aposta em uma pré-temporada melhor do que a do ano passado. Ele não critica Leão abertamente, mas se queixou a amigos que foi tratado como “mais um” no início do ano.

Não queria privilégios, mas um tratamento mais apropriado aos problemas físicos que teve no ano passado. Isso já está sendo feito. Fica menos em campo e mais no Reffis, submetendo-se a uma preparação física que privilegia o fortalecimento muscular.

A idéia é manter o que está fazendo agora, sob comando de Ney Franco. Poupar-se de treinos e até de alguns jogos menos importantes para não ser mais obrigado a deixar o campo com distensões musculares.

Assim, a conquista de um título fica mais próxima. E por que não o da Libertadores? O artilheiro comemorou muito a mudança tática e técnica que o time conseguiu com Ney Franco e a vaga praticamente garantida para a Libertadores. Lamenta a saída de Lucas, mas já sonha com os passes de Ganso. Está feliz da vida.

Bem preparado física e psicologicamente, acredita que muitos gols virão. Pensa em chegar aos 50 no próximo ano, aproximando-se bastante do recorde que jura não perseguir.

A seleção não é uma página virada para Luís Fabiano. Ele se mostra ansioso por uma convocação “de verdade” e não apenas como a do superclássico contra a Argentina, restrita a jogadores que atuam no Brasil. Quando se queixa que não é chamado por Mano Menezes, é consolado com a lembrança de que o treinador está convocando apenas um jogador de cada time. E a vaga, com justiça, tem sido de Lucas.

Quando vier – se vier – uma convocação com a “seleção cheia”, aposta que chegará à Copa das Confederações e que terá todas as chances de disputar, no Brasil, o seu segundo Mundial. Pertinho de completar 34 e de ser o maior artilheiro da história do São Paulo.

NÚMEROS DE LUÍS FABIANO

Ele está perto de se transformar no segundo artilheiro do clube apenas considerados os gols feitos no Morumbi. Tem 88 contra 91 de Muller e Luís Fabiano e 135 de Serginho.

Luis Fabiano no Morumbi:

88 gols
98 jogos

0,90 gol por jogo

A média de gols do Luis Fabiano no Morumbi é a melhor da história do São Paulo. E ele está a três gols de igualar Müller e França e tornar-se o segundo maior artilheiro do estádio em números absolutos. Eis os dados oficiais do clube:

Os maiores artilheiros do São Paulo no Morumbi, em média de gols:

1º) Luis Fabiano – 88 gols (98 jogos) – 0,90 gol por partida
2º) Prado – 24 gols (30 jogos) – 0,80 gol por partida
3º) Careca – 69 gols (94 jogos) – 0,73 gol por partida
4º) Serginho Chulapa – 135 gols (187 jogos) – 0,72 gol por partida
5º) Aristizábal – 26 gols (39 jogos) – 0,67 gol por partida

Os maiores artilheiros do São Paulo no Morumbi, em termos absolutos:

1º) Serginho Chulapa – 135 gols (187 jogos) – 0,72 gol por partida
2º) França – 91 gols (146 jogos) – 0,62 gol por partida
3º) Müller – 91 gols (187 jogos) – 0,49 gol por partida
4º) Luis Fabiano – 88 gols (98 jogos) 0,90 gol por partida
5º) Raí – 72 gols (191 jogos) – 0,38 gol por partida
6º) Careca – 69 gols (94 jogos) – 0,73 gol por partida

Luis Fabiano em 2012, pelo São Paulo:

38 jogos
29 gols
0,76 gol por jogo

Luis Fabiano em toda a história pelo São Paulo:
210 jogos
154 gols
0,73 gol por jogo

Os maiores artilheiros do São Paulo no Campeonato Brasileiro:
1º) Luis Fabiano – 84 gols (117 jogos) – 0,72 gol por partida
1º) Serginho Chulapa – 83 gols (104 jogos) – 0,80 gol por partida
3º) Careca – 54 gols (67 jogos) – 0,81 gol por partida
4º) Rogério Ceni – 50 gols (480 jogos) – 0,10 gol por partida
5º) Müller – 49 gols (121 jogos) – 0,40 gol por partida

Os maiores artilheiros do São Paulo no geral (a média de gols do LF é a melhor de todas):
1º) Serginho Chulapa – 242 gols (399 jogos) – 0,61 gol por partida
2º) Gino Orlando – 233 gols (453 jogos) – 0,51 gol por partida
3º) Teixeirinha – 189 gols (525 jogos) – 0,36 gol por partida
4º) França – 182 gols (327 jogos) – 0,56 gol por partida
5º) Luizinho – 173 gols (264 jogos) – 0,66 gol por partida
6º) Müller – 161 gols (387 jogos) – 0,42 gol por partida
7º) Luis Fabiano – 154 gols (210 jogos) – 0,73 gol por partida
8º) Leônidas da Silva  – 144 gols (211 jogos) – 0,68 gol por partida
 
Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórum - http://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga-Nos!

Insta-Me!