Histórico de Gols

Clique e veja todos os gols marcados pelo craque

Seleção Brasileira

Luis Fabiano na Seleção Brasileira

Títulos e Prêmios

Todos os títulos e prêmios conquistados

Músicas Fabulosas

Cante junto ;)

2 de fevereiro de 2015

Feliz com 200º gol, Luís Fabiano diz: "posso oferece mais"

O tacante Luís Fabiano foi o grande nome do São Paulo na vitória por 3 a 1 sobre o Penapolense, neste domingo, pelo Campeonato Paulista. O jogador marcou seu gol de número 200 com a camisa tricolor e se animou com a perspectiva para a temporada.

"É gratificante poder marcar 200 gols com esta camisa maravilhosa, porque adoro este clube e me identifico muito com a torcida. É só o começo da temporada, mas fico muito feliz pelo número que atingi. Tenho certeza de que posso oferecer muito mais, porque nosso grande objetivo é conquistar títulos. Este é o meu sonho e vou buscá-lo este ano", afirmou.

Na semana passada, Luís Fabiano admitiu a ansiedade para chegar ao 200º gol pelo clube. Terceiro maior artilheiro da história da equipe, o jogador reconhece que será difícil ultrapassar o maior goleador são-paulino, Serginho Chulapa, que fez 242.

"O ano tem tudo para ser diferente de 2014, fiz um trabalho específico para jogar o máximo possível. Mas 43 em um ano é um número muito grande. No ano em que fiz mais gols foram 46, quando eu tinha 20 anos. Mas vou tentar fazer o máximo possível para chegar perto do Serginho (risos). Este ano promete", comentou.

O segundo na lista de artilheiros são-paulinos é Gino Orlando, que fez 233. Lupis Fabiano tem contrato apenas até o fim deste ano no São Paulo e ainda não iniciou conversas para renovar. Assim, pelo menos por enquanto, o atacante tem apenas uma temporada para buscar os dois primeiros da lista.

O próximo compromisso do time tricolor no Campeonato Paulista está agendado para a noite de quarta-feira, diante do Capivariano, no estádio do Pacaembu, já que o gramado do Morumbi passa por reforma.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

Luis Fabiano faz gol de número 200 pelo São Paulo

O segundo gol do São Paulo diante da Penapolense foi especial para Luis Fabiano. O atacante, que marcou pela segunda vez em 2015 - o primeiro foi diante do Vasco em torneio amistoso -, chegou a marca de 200 gols com a camisa do São Paulo.


Luis Fabiano é o terceiro maior artilheiro da história do São Paulo. Gino, com 233, e Serginho Chulapa, com 242, são os maiores goleadores do clube. O camisa 9 atual já disse que deseja superar ambos e se tornar o primeiro desta lista.

Titular neste início de temporada, Luis Fabiano tem contrato até o final do ano. Neste domingo, o atacante recebeu passe de Michel Bastos e concluiu de perna esquerda para deixar sua marca.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

16 de novembro de 2014

Luís Fabiano "ignora" sombra de Pato e decide clássico

Luís Fabiano fez valer sua experiência e não se deixou abalar pela presença do antigo titular do ataque do São Paulo no banco de reservas, neste domingo, contra o Palmeiras, no Morumbi. Com Alexandre Pato relacionado após seis rodadas desfalcando a equipe paulista, o atacante mostrou maturidade e aproveitou a única chance que teve na partida para balançar as redes e contribuir para a vitória são-paulina por 2 a 0, em jogo válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Antes de sofrer uma contratura no músculo posterior da coxa esquerda, Pato vivia boa fase e era considerado titular absoluto no "quadrado mágico" tricolor. Porém, os oito jogos que o jovem atleta ficou de molho foram o suficiente para Luís Fabiano se recuperar, não só a forma física, mas técnica, e conquistar uma posição ao lado de Paulo Henrique Ganso, Kaká e Alan Kardec.

Ovacionado desde o apito inicial do árbitro no Morumbi, o camisa 9 fazia uma partida discreta, brigando por espaço no meio dos zagueiros palmeirenses. Mas, como já dizia um ditado do futebol, atacante bom precisa de apenas uma bola para decidir um jogo. E foi assim que aconteceu. Aos 21min do primeiro tempo, após chutão de Rafael Tolói, Hudson acreditou na jogada e conseguiu cruzar para área. Nathan furou e Luís Fabiano, de primeira, acertou um belo chute, no canto, sem chances para Fernando Prass.

Com Alexandre Pato recuperado, Muricy Ramalho terá uma dor de cabeça para decidir quem completa o quarteto ofensivo nas próximas partidas. Ao que tudo indica, Luís Fabiano deve continuar entre os titulares, já que não é de hoje que o atacante demonstra bom futebol. Na última rodada, ele foi fundamental no empate por 1 a 1 com o Internacional. Além de marcar o gol da igualdade, o camisa 9 "chamou o jogo" e teve boa movimentação.

Muricy Ramalho optou pelo retorno de Alexandre Pato aos 31min da etapa final, e o escolhido para deixar o gramado foi justamente Luís Fabiano. Ao perceber que o jovem atacante entraria, a torcida aplaudiu a decisão do técnico e, quando o quarto árbitro indicou a saída do camisa 9, ovacionou o autor do primeiro gol na vitória por 2 a 0.

Com o gol marcado neste domingo, Luís Fabiano, que já era o maior artilheiro do clube na história do Campeonato Brasileiro, chega ao seu 100º gol na competição pelo clube paulista. Ele ainda marcou outros três pela Ponte Petra. Além de atingir a marca, ele empata com Pato na artilharia do clube na Série A, com nove gols, e deslancha quando comparados ao ano de 2014. O camisa 9 agora tem 20, contra 12 do ex-corintiano.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

13 de novembro de 2014

Após gols, Muricy garante que Luis Fabiano será titular contra o Palmeiras


Dois jogos, dois gols, muita movimentação e a confiança de quem finalmente parece ter deixado as lesões para trás. Luis Fabiano é o novo titular do ataque do São Paulo. Apesar da recuperação de Alexandre Pato, que se livrou de problema na coxa esquerda, que o afastou dos gramados por um mês, Muricy Ramalho deixou claro que o camisa 9 começará jogando no clássico de domingo, contra o Palmeiras, novamente no estádio do Morumbi, às 19h30.



Muricy sempre adota o critério de justiça para escalar o time. Por isso, não é momento de perder o embalo criado pelo Fabuloso.



- Ele será titular. O Luis estava esperando uma oportunidade, entrou, fez gol, deu passe e hoje fez gol de novo. Não posso mudar meu discurso agora. Infelizmente, o Pato machucou e está fazendo muita falta. Vai voltar domingo e até ficar 100%, terá de lutar pelo seu espaço. De qualquer maneira, a volta do Pato vai nos ajudar bastante - afirmou o treinador são-paulino.


Preocupado com o desgaste dos jogadores, Muricy vai esperar a reavaliação médica desta quinta-feira para começar a planejar o time que entrará em campo no final de semana.


- É difícil segurar os jogadores. Todos se doaram ao máximo. O Lucão saiu com cãibra, o Hudson também. O Ganso levou pancada e ainda não podemos falar nada porque o corpo está quente. Tem o Kaká, o Michel. Vamos conversar com os médicos para saber quem poderá jogar – ressaltou.

Com 63 pontos, o Tricolor chega ao clássico com quatro pontos de desvantagem para o líder Cruzeiro, que ainda tem uma partida a menos. Além do Palmeiras, a equipe terá os seguintes adversários pela frente: Santos (Cuiabá), Figueirense (Morumbi) e Sport (Recife). 

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

Luís Fabiano rechaça ida ao Flamengo

Após as especulações sobre um suposto interesse do Flamengo em Luís Fabiano, o atacante disse no programa Bate-Bola 2ª Edição, na ESPN Brasil, que não pretende deixar o tricolor paulista tão cedo. Feliz por estar recuperado fisicamente, ele também comentou sobre a aposentadoria e a briga pela titularidade no São Paulo.
Questionado se as declarações de amor ao clube seriam uma resposta às notícias sobre sua saída o atacante desconversou. "Eu sempre coloco essas mensagens na minha rede social. Estou acostumado, chega novembro e me colocam em diversos times e eu sempre continuo no São Paulo. O certo é que tenho mais um ano de contrato e pretendo cumpri-lo."

Apesar do carinho pelo time paulista, ele disse que uma aposentadoria no clube teria de ser "conversada". "Gostaria de jogar mais dois anos em alto nível. Eu sou muito feliz aqui e se a diretoria tiver interesse a gente conversa, sem problemas. O clube no qual você está jogando é sempre a primeira opção."

Em boa fase nos últimos jogos, Luis Fabiano comemorou a sua recuperação física. "Agora eu me encontro muito melhor, estou 100% fisicamente e tecnicamente estou num momento legal. A questão de jogar ou não jogar cabe ao treinador", ponderou.

Mesmo sem a titularidade garantida, ele não mostrou preocupação e disse que a briga dentro do elenco é sadia. "As vezes você fica no banco e fica meio assim, mas tem que acostumar. Aqui, independente de quem está jogando, não tem biquinho, não tem nada", afirmou o centroavante são-paulino.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

10 de novembro de 2014

Muricy se rende a Luís Fabiano: há tempos não corria assim

O técnico Muricy Ramalho ficou muito satisfeito com o desempenho de Luis Fabiano no triunfo do São Paulo por 2 a 1 sobre o Vitória, neste domingo, em Salvador. O treinador colocou o atacante em campo por conta da ausência de titulares e ficou satisfeito por ter visto seu camisa 9 colaborando com a marcação.


"Fizemos a estratégia de colocar dois jogadores do lado rápidos, porque com o Luis em campo não podemos ter só meias, temos que escalar rápidos para ele ter em quem se apoiar. Fazia muito tempo que ele não jogava sem a bola, porque é difícil pedir para centroavante ocupar espaço. Hoje, todos que estão em campo têm que fazer isso", afirmou.

O técnico fica agora na dúvida sobre a equipe que colocará em campo na próxima rodada. "O Luis jogou bem e vamos ver se realmente podemos mexer no time, se começamos com o Kardec... Aqui, todo mundo tem cabeça feita de que as mudanças são para o time. O jogador tem que entender que treinador tem conhecimento e, se tiver que ficar fora, aceita. O Kaká e o Kardec ficaram fora. Ele (Luis) está de parabéns, porque fazia muito tempo que não corria desse jeito", acrescentou.

O próprio atacante já se vêm em condições de ser titular. "No ano passado, eu não estava bem fisicamente. Neste, eu estava bem, mas infelizmente me machuquei. Agora, estou voltando à forma ideal e quando a gente está em forma pode ajudar mais, voltar para marcar. Claro que não fico feliz de ficar no banco, ninguém pode ficar, só quem não tem ambição na vida. Mas passo a passo vamos tentando aproveitar a oportunidade", afirmou Luís Fabiano.

Em função do desgaste que o elenco tricolor sofreu na viagem do meio de semana para o Equador, Muricy optou por deixar no banco Kaká, Michel Bastos e Alan Kardec, mandando a campo Osvaldo, Ademilson e Luis Fabiano.

"O Luis brigou muito e até surpreendeu pela parte física. Agora, vamos ver o que fazer. Temos que ser inteligentes, revezando um pouco time, e até tivemos grandes jogadores que ficaram fora. Não estava poupando para o próximo jogo, mas sim tirando os jogadores por causa de exames, principalmente o Kardec", acrescentou.

Luis Fabiano marcou o primeiro gol na vitória em Salvador e ainda deu a assistência para Kaká completar o marcador, pouco depois de o meia ter entrado em campo. A próxima partida do clube será contra o Internacional, na quarta-feira, em jogo adiantado do Campeonato Brasileiro, no Morumbi.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

29 de outubro de 2014

Condição física deixa Luis Fabiano mais empolgado do que gol

De volta ao time titular, Luis Fabiano fez um dos gols da vitória do São Paulo por 3 a 0 sobre o Goiás, na noite desta segunda-feira. Mas foi o fato de ter atuado 90 minutos sem acusar dores que mais animou o atacante no Morumbi.



"Sinceramente, o que me deixa mais empolgado é me sentir bem, sem qualquer tipo de dor. Eu vinha um pouco preocupado, estava com edema muscular e não pude participar do jogo contra a Chapecoense", lembrou o jogador, depois de ter passado os primeiros dias da semana com incômodo na coxa direita.

"Fiquei três dias em recuperação, descansando e consegui me recuperar. Fui tranquilo para o jogo, não senti. Isso é o que me deixa mais otimista para a sequência do campeonato", frisou o ainda artilheiro da equipe na temporada, agora com 17 gols marcados.

Luis Fabiano não balançava a rede desde 24 de setembro, dia em que o São Paulo empatou com o Flamengo, em casa. Ele chegou a ganhar a titularidade depois disso, em jogo da Copa Sul-Americana, porém foi expulso no jogo de ida das oitavas de final do torneio e acabou punido por isso, motivo pelo qual não vai a campo na quinta-feira, contra o Emelec.

Multado em 30% do salário pela diretoria do clube, o jogador vinha prometendo foco apenas no trabalho, o que voltou a repetir nesta segunda-feira, depois do apito final. "Dei meu melhor. É isso o que eu tenho que fazer, nada mais do que isso", resumiu, evitando novas polêmicas.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

25 de setembro de 2014

Luís Fabiano marca no final; São Paulo e Flamengo ficam no 2x2

Rogério Ceni marcou um gol, desperdiçou cobrança de pênalti e falhou no primeiro tento do Flamengo no empate por 2 a 2 da noite desta quarta-feira, que tirou o São Paulo da vice-liderança do Campeonato Brasileiro. Em jogo polêmico, com muita reclamação dos flamenguistas contra os dois pênaltis assinalados aos donos da casa, o Tricolor ainda correu risco de perder a partida, principalmente depois da expulsão de Michel Bastos, mas foi salvo por Luis Fabiano.

O time paulista, que se sentiu prejudicado pelos pênaltis assinalados ao Corinthians no clássico do fim de semana passado, desta vez não teve motivos para reclamar, no Morumbi. No primeiro tempo, Alexandre Pato caiu na área, e o árbitro Andre Luiz de Freitas Castro assinalou penalidade ao São Paulo, alegando infração de Márcio Araújo. Em meio aos protestos dos visitantes, Ceni converteu a cobrança.

Porém, ainda na etapa inicial, o capitão são-paulino cometeu sua primeira falha grave ao dar rebote em chute fraco, nos pés de Everton, que mandou para a rede. Na etapa final, antes mesmo de um minuto, André Luiz de Freitas Castro errou ao marcar mais um pênalti ao Tricolor, em toque de mão de Samir fora da área. No entanto, Ceni não aproveitou a chance, pois teve sua cobrança defendida por Paulo Victor.
O jogo ganhou muita emoção depois da expulsão de Michel Bastos, por jogada violenta. Aos 41 da etapa final, Alecsandro colocou o Rubro-negro na frente. Porém, apenas quatro minutos depois, Luis Fabiano garantiu o empate, depois de ter substituído Alexandre Pato.

Com o resultado desta quarta-feira, o São Paulo chegou aos 43 pontos, caindo para o terceiro lugar do Campeonato Brasileiro, já que foi ultrapassado pelo Internacional, que tem 44. O líder Cruzeiro está disparado na frente, com 52. O Tricolor volta a campo no sábado, quando enfrentará o Fluminense, novamente no Morumbi. Já o Flamengo tem 31 pontos.

O jogo

O São Paulo iniciou a partida encontrando muita dificuldade para passar pelo bem posicionado sistema defensivo do Flamengo. Do outro lado, com cautela para não correr riscos, a equipe de Vanderlei Luxemburgo ainda buscava o ataque, principalmente em bolas aéreas. Em uma das tentativas, Wallace se chocou com Rogério Ceni, que precisou de atendimento médico.

Com a dificuldade dos donos da casa e a precaução dos visitantes, o começo da partida foi de poucas emoções. Na primeira jogada em que poderia levar perigo, Michel Bastos cobrou falta para a área, e Alan Kardec desviou fraco de cabeça, facilitando para Paulo Victor. O confronto só esquentou aos 16 minutos, quando André Luiz de Freitas Castro assinalou pênalti polêmico para o Tricolor.

Na jogada, Alexandre Pato tocou para Alan Kardec na meia-lua e recebeu de volta na esquerda da área, mas caiu antes de dominá-la, e o árbitro marcou pênalti de Márcio Araújo. Os flamenguistas reclamaram bastante, alegando que o volante não tocou no atacante. Depois de toda a polêmica, aos 17, Rogério Ceni fez a cobrança no canto esquerdo de Paulo Victor, que acertou o lado, mas não conseguiu fazer a defesa
.
A partir daí, o Flamengo tentou se arriscar um pouco mais na frente, principalmente pela esquerda de seu ataque, aproveitando buraco no setor defensivo tricolor. Assim, Ceni teve sair do gol para tirar lançamento que seria para Everton, nas costas de Auro. Na sequência, o capitão ainda afastou para impedir a chegada de Gabriel. Na resposta, Ganso tocou na área, e Paulo Victor segurou antes de Kardec chegar livre.

O jogo melhorou com os avanços dos dois lados, mas as equipes seguiram finalizando pouco. Márcio Araújo até chegou com boa chance pela direita, mas não cruzou e chutou completamente errado, desperdiçando o lance, que poderia levar perigo. O time do Rio de Janeiro só empatou no momento em que Rogério Ceni falhou feio. Aos 35, Gabriel recebeu a bola pela esquerda, driblou Auro, invadiu a área e finalizou fraco. O goleiro não conseguiu segurar e deu rebote na pequena área, e Everton não desperdiçou, concluindo para a rede.

O empate animou o Flamengo, que quase virou pouco depois. João Paulo recebeu completamente livre pela esquerda, mais uma vez, e cruzou por baixo, mas Everton não alcançou ao dar um carrinho diante do gol aberto. O momento era tão positivo ao Flamengo que a torcida são-paulina se calou no Morumbi, enquanto os rubro-negros cantavam nas arquibancadas.

Antes do fim da etapa, mesmo de forma tímida, o São Paulo tentou responder, e Alan Kardec recebeu cruzamento na área, dominou no peito e finalizou em cima da marcação. No entanto, o Flamengo continuou achando espaços no lado direito da defesa são-paulina. João Paulo chegou pelo setor e cruzou para Márcio Araújo, mas Ceni conseguiu tirar.

Na volta para o segundo tempo, o São Paulo teve um pênalti ao seu favor com menos de um minuto, mas marcado de forma equivocada pelo árbitro. Em disputa pela esquerda, Samir tocou a mão na bola, fora da área, e o árbitro marcou penalidade. Os flamenguistas ficaram mais uma vez revoltados. Enquanto Luxemburgo ainda contestava, Ceni fez a cobrança no canto esquerdo de Paulo Victor, que saltou para defender.

O goleiro flamenguista recolocou a bola em jogo rapidamente, e Everton tentou chutar de longe, já que Ceni ainda não havia chegado à meta, mas a bola passou por cima do travessão, enquanto Edson Silva observava em cima da linha. Mesmo assim, o São Paulo continuou mais presente na frente, e levando sustos atrás. Em um rápido contragolpe pela esquerda, Everton chutou cruzado, rasteiro, e viu a bola passar raspando.

Com atuação apagada de Alan Kardec, a torcida aproveitou um erro do atacante na frente para pedir a entrada de Luis Fabiano. Ciente de que a impaciência da torcida era justa, o São Paulo tentou mostrar serviço em campo, e Pato pegou bola rebatida para finalizar, mas acertou a marcação.
Muricy Ramalho também percebeu a dificuldade de seu time e atendeu ao pedido da torcida, colocando Luis Fabiano em campo, na vaga de Alexandre Pato, que nem sequer passou pelo banco de reservas e foi direto para os vestiários.

O treinador são-paulino não teve tempo para ver seu time se ajustar com a mudança, pois o time ficou com um jogador a menos logo em seguida. Michel Bastos foi expulso ao acertar um carrinho muito forte em Everton. Assim, Muricy teve de tirar Kardec para recompor o setor com Reinaldo. Já Everton não teve mais condições de jogar e acabou substituído por Luiz Antônio.

Mas o Flamengo tomou conta do jogo e chegou à virada com gol de Alecsandro, de cabeça, aos 41 minutos. Já aos 45, Luis Fabiano evitou a derrota, ao mandar para a rede em sobra na área.

São Paulo 2 X 2 Flamengo
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 24 de setembro de 2014 (Quarta-feira)
Horário: 22 horas (de Brasília)

Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)
Cartões amarelos: Ganso (São Paulo). Cáceres, João Paulo, Alecsandro (Flamengo)
Cartão vermelho: Michel Bastos (São Paulo)
Público: 16.598 pagantes
Renda: R$ 593.800,00

Gols: SÃO PAULO: Rogério Ceni, aos 17 minutos do primeiro tempo. Luis Fabiano, aos 45 minutos do segundo tempo

FLAMENGO: Everton, aos 35 minutos do primeiro tempo. Alecsandro, aos 41 minutos do segundo tempo

São Paulo: Rogério Ceni; Auro, Edson Silva, Antônio Carlos e Michel Bastos; Souza, Denilson, Kaká e Ganso (Osvaldo); Alexandre Pato (Luis Fabiano) e Alan Kardec (Reinaldo). Técnico: Muricy Ramalho

Flamengo: Paulo Victor; Leonardo Moura, Samir (Chicão), Wallace e João Paulo; Victor Cáceres (Arthur), Márcio Araújo, Héctor Canteros, Gabriel e Everton (Luiz Antônio); Alecsandro. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Fonte: Tribuna Hoje

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...