Histórico de Gols

Clique e veja todos os gols marcados pelo craque

Seleção Brasileira

Luis Fabiano na Seleção Brasileira

Títulos e Prêmios

Todos os títulos e prêmios conquistados

Músicas Fabulosas

Cante junto ;)

29 de fevereiro de 2016

Luis Fabiano faz gol e separa briga em vitória de time de Luxa

O Tianjin Quanjian, time chinês comandado por Vanderlei Luxemburgo e que conta com os brasileiros Luis Fabiano, Geuvânio e Jadson segue em preparação para o início da temporada regular.

Neste domingo, a equipe enfrentou o Ulsan, da Coreia do Sul, e venceu por 2 a 1, sendo que um dos gols foi marcado pelo ex-atacante do São Paulo. O gol de honra da equipe coreana foi marcado por Bernardo, meia com passagens por Vasco e Palmeiras, em cobrança de falta.

Se os gols brasileiros foram o ponto alto da partida, o destaque negativo fica para uma confusão entre os atletas ao final da partida. Após falta dura, os atletas trocaram empurrões e a turma do "deixa disso" precisou entrar em ação para que o clima não ficasse mais quente.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

26 de janeiro de 2016

Luis Fabiano trata lesão com medicina natural indicada por médico chinês

O brasileiro Flávio Cruz é o responsável pelo departamento médico do Tianjin Quanjian, sob comando de Vanderlei Luxemburgo. Mas o doutor não chega ao clube chinês para impôr a medicina brasileira e ponto final. Ele quer agregar o conhecimento que leva do Brasil, juntamente com o que já é praticado na China. Um exemplo prático dessa mistura ocorreu com a lesão de Luis Fabiano, que precisou enfrentar o Taubaté com uma proteção na mão direita. O camisa 9 se machucou durante os treinos e ficou com a mão inchada. Após tomar os remédios indicados pelos médicos brasileiros, Fabuloso aceitou testar a medicina chinesa.


– O Luis usou um medicamento natural que eles fizeram, com uma mistura de mel. Uma pasta que eles passaram em cima da lesão. E foi bom, nós aprovamos (...) Desde o início ficamos preocupados com essa questão. Chegar e não impor. Mas sim, agregar. Levar o que conhecemos da medicina do esporte no Brasil para somar com a medicina chinesa, que tem uma cultura milenar e que precisa ser respeitada – explicou o médico brasileiro.

Flávio já esteve na China em 2007 com a seleção brasileira de futebol feminino. À época, enfrentou dificuldades para comprar medicamentos, que são comuns no Brasil, nas farmácias chinesas.
– A medicação na China é diferente. No Brasil, trabalhamos com substâncias químicas, remédios. Eles trabalham muito com ervas, chás, medicina natural. Não é meu hábito. Mas respeito, e sempre vou conversar com o médico chinês até pela questão de doping – comentou.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

24 de janeiro de 2016

Luis Fabiano marca, mas time de Luxa é goleado

Luis Fabiano fez um, mas não conseguiu evitar a goleada sofrida pelo Tianjin Quanjian por 4 a 2 diante do Taubaté, na tarde deste sábado no Joaquinzão, no Vale do Paraíba.

Os gols foram marcados por Bruno Aquino, Leo Turbo, Joãozinho e Sandro Muller (Taubaté), além de Luis Fabiano e Li Xing Can (Tianjin Quanjian).

O Burro da Central disputa a Série A2 do Campeonato Paulista neste ano.

O time chinês, comandado por Vanderlei Luxemburgo, ainda contou com Jadson em campo e com Geuvânio, apresentado pela manhã, nas arquibancadas. 

Em pré-temporada em Atibaia, o Tianjin soma 100% de derrotas. Perdeu para o XV de Piracicaba e Bragantino, anteriormente.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

8 de janeiro de 2016

No futebol chinês, Luis Fabiano traça meta de atingir os 500 gols na carreira

Luis Fabiano chegou. E foi pro campo, deu autógrafos, ouviu gritos de "vai, Fabuloso" e até já tomou um puxão de orelha do treinador. Na conversa com os preparadores físicos, brincou reclamando da ausência da bola. Com sorriso no rosto, o atacante foi apresentado pelo Tianjin Quanjian, da China, nesta sexta-feira, 8, em Atibaia, após realizar um treino físico. O clube chinês, comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, faz pré-temporada no interior de São Paulo. Além de Luis Fabiano, Jadson também foi apresentado nesta sexta. Na entrevista, Fabuloso estava com os brincos na orelha. Mas na hora do trabalho, nada dos acessórios.


– Nunca trabalhei com o Luxemburgo. E o que a gente espera é cobrança. Ele sabe tirar qualidades do jogador. Espero aprender também. No primeiro dia ele já me deu bronca, pediu pra tirar o brinco pra treinar (risos). Já pegou no meu pé. Mas é assim. Espero aprender, espero cobranças e que tenhamos sucesso na China – comentou o camisa 9.
Luis Fabiano também explicou por que aceitou o desafio de jogar na China. Um dos motivos está em sua meta pessoal de marcar 500 gols na carreira. Pelas contas do Fabuloso, hoje são 474 gols.


– Tem essa meta de chegar aos 500 gols e estar entre os maiores artilheiros mundiais. Isso é um objetivo, porque sou atacante e vivo de gol. Conto com essa possibilidade. Mas tenho outros objetivos também. Mas não posso me prender a objetivos pessoais. Os coletivos são mais importantes. E o primeiro é subir o time. Porque está se investindo muito – explicou.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

5 de dezembro de 2015

Luis Fabiano recebe homenagem do SP e chora em despedida: "Amor verdadeiro"

Luis Fabiano recebeu nesta sexta-feira uma homenagem de surpresa do São Paulo para celebrar sua despedida. O evento no CT da Barra Funda contou presença do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, presentes, sócios-torcedores, vídeos e mensagens de amigos como Kaká, França, Lucas e do ex-presidente Juvenal Juvêncio. No fim do evento, o camisa 9 deixou claro que, se dependesse dele, teria ficado no clube para 2016.

"Quero agradecer a todo mundo. Todos foram importantes, todos foram importantes na minha passagem. Deixei, conquistei muitos amigos aqui. Com certeza vai ser difícil me desligar desse clube, nesses primeiros meses de uma nova jornada. Saibam todos que estarão no meu coração com certeza. Futebol passa, números ficam marcados, mas o que fica são os verdadeiros amigos. Quero agradecer a todos de coração, por me aguentar muitas vezes, pelas brincadeiras e por tudo que passamos juntos. Foi algo inesquecível, que vai ficar marcado na minha memória, na minha carreira e na minha vida. A gente vai se ver em breve, espero não me desligar desse clube", falou.

"Gostaria de ter conquistado algumas coisas, sim. Mas não me arrependo de nada. Saio de cabeça erguida porque todas as vezes que vesti essa camisa vesti de forma honesta e leal. Dei meu máximo. Às vezes as coisas não saem da forma que a gente quer. O amor que tenho pelo clube é verdadeiro", completou.

Antes da coletiva de imprensa, dada ao lado do presidente Leco, Luis Fabiano viu um compilado de lances seus com a camisa do clube. O dirigente iniciou emocionado o pronunciamento de agradecimento.

"Embora calejado, eu me emociono. Se é um momento que emociono é esse. Dentre bênção que Deus me deu é que hoje sou presidente do São Paulo no momento em que Luis Fabiano se despede dos campos, mas nunca do São Paulo. O vínculo é de todos conhecido e desnecessário enfatizar", disse Leco, que também se mostrava emocionado.

"Estou profundamente emocionado, porque estou diante de alguém que honrou nossa camisa, fez jus aos gritos incansáveis e se repetem a cada momento. É assim o amor da nossa torcida por ele. Que tanto honrou nossa camisa e enriqueceu nosso ambiente. Vida é assim, tem momentos, estou aqui hoje, sei que não estarei mais daqui a pouco. Esteve todo esse tempo, saiu, voltou, mas é certo que o São Paulo nunca nos deixará. Eu ouso afirmar que não sou mais são-paulino do que ele", completou o dirigente.

Quem também apareceu na despedida foi Rogério Ceni. Após deixar o Reffis, em que fazia o tratamento para tentar jogar a última partida, o goleiro foi se despedir do atleta.

"Só queria fazer agradecimento a você, nome de todos jogadores. Foi honra trabalhar contigo desde a primeira vez, não é todo cara que consegue superar 200 gols, terceiro maior artilheiro. Desejar sorte no futuro, grande parceiro. Muito obrigado por tudo. Um dos três maiores centroavantes que eu vi vestir a camisa do São Paulo", afirmou Rogério.

Depois da declaração, o presidente entregou uma miniatura do estádio do Morumbi para Luis Fabiano. "Obrigado pelos 212 gols, por ajudar na briga da bola, honrar nossa camisa. Luis você é fabuloso", dizia a placa. Ele também ganhou um livro da história do atacante no clube e um quadro dos torcedores.

A homenagem ainda contou com frases de Kaká, Lucas, França, da secretária do clube, do locutor do Morumbi, entre outros são-paulinos. Até o ex-presidente Juvenal Juvêncio, que foi quem contratou Luis Fabiano pela segunda vez, deixou seu recado.

O último jogo de Luis Fabiano com a camisa do São Paulo foi no último sábado contra o Figueirense, vitória do time paulista por 3 a 2. Ao deixar o gramado, ele já havia avisado que não atuaria na última rodada contra o Goiás. Já na partida, o atacante mostrou estar emocionado por sair do São Paulo. Ele chorou quando o hino nacional foi tocado e também quando deu entrevista após a partida.

Na próxima semana, Luis Fabiano deverá anunciar acordo com o Tianjin Songjian, time chinês que tem Vanderlei Luxemburgo como técnico. O atacante já está apalavrado com o clube.











Veja mais frases de Luis Fabiano em sua despedida:

Casamento com São Paulo
Realmente foi um casamento intenso, mas que no final as duas partes se amam. O que eu mudaria? Não tenho muita coisa para mudar. Talvez mudaria um jogo específico. Na Libertadores de 2004, uma coisa que fica entalada na garganta. Mas de resto... Todos os gols, todas as brigas, os números que ficam. Esse era o meu destino. Foi bom, valeu, não tem nada que me arrependa. Saio tranquilo e feliz

Jogar contra Goiás
Uma coisa não precisa pedir (para ir para Goiás). Estou na barca, vamos até o final. Provavelmente estarei com eles até o fim e na torcida que conquiste a última vaga. Até o último minuto, estarei aqui

Identificação com torcida
Tentei honrar da melhor maneira possível, jogar com raça da melhor maneira possível. Torcida tem carinho porque se identifica com a história e luta de Luis Fabiano. Às vezes me adotaram como ídolo por isso, por ser representante deles dentro de campo. Saio com dever cumprido por isso. Independente de número e título, eu consegui o respeito do torcedor e ser representante dentro de campo

Enfrentar o São Paulo no Morumbi
Ainda não. Sinceramente, ainda não passou pela cabeça que seria possível jogar contra o São Paulo. Seria muito estranho, muito diferente, não sei se conseguiria jogar de verdade. Em relação a minha trajetória dentro do futebol, vai depender do estado físico. Se continuar tendo condições de jogar bem e ajudar próximo time durante dois e três anos, vou seguir. Se ver que não dá mais, eu paro. Vai depender do estado físico e condições que vá me encontrar nos próximos anos. Vou desfrutar o máximo, depois a gente sabe que é traumático. Não tenho mais cinco, seis anos. Preciso me preparar para o final

Morre um pouco com a saída?
Estou morrendo um pouquinho. Morrendo pela história, carinho e todo divórcio é difícil. Vai ser complicado, mas vida continua. Primeiros meses vão ser duros, tinha todo dia o costume de vir ao CT ver amigos, vai mudar totalmente isso, mas a vida continua. Espero ter forças para seguir, onde eu for, conseguir jogar do mesmo jeito que joguei aqui

Por que saiu?
Não sei, sinceramente. Não houve nenhuma conversa. O tempo foi passando, diante de muitos problemas as coisas de renovação foram ficando para trás. O tempo passou, estou aqui me despedindo, não sei por que, mas isso é normal. É coisa que foi passando e aconteceu. E acho que não vai ter outro Luis Fabiano, não

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

30 de novembro de 2015

Luis Fabiano tira próprio quadro de vestiário

O São Paulo de 2016 não terá Luis Fabiano. Depois de 352 jogos e 212 gols com a camisa do clube, o artilheiro de 35 anos não terá seu contrato renovado e fez no último sábado seu último jogo no Morumbi, com direito a gol marcado e choro antes do início da partida. Na despedida, o camisa 9 levou do estádio o quadro com sua própria foto no vestiário, como recordação.

Em imagens divulgadas pelo São Paulo é possível ver Luis Fabiano, após a partida, arrancando seu quadro do vestiário – no local, cada jogador tem um espaço específico, com sua própria foto. O atacante deixou o Morumbi com o quadro em mãos e se despedindo de funcionários e torcida.




Depois da partida, Luis Fabiano chegou a dizer que não jogaria a última rodada do Brasileirão, contra o Goiás, no Serra Dourada, porque pretendia se despedir no Morumbi. Logo depois, no entanto, voltou atrás e disse que se for preciso irá jogar o último jogo. 


Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

27 de novembro de 2015

L. Fabiano confirma saída e critica silêncio da diretoria

O atacante Luis Fabiano concedeu nesta sexta-feira uma coletiva de aproximadamente 30 minutos para confirmar sua saída do São Paulo . O contrato do jogador se encerra neste final de temporada e não será renovado pela diretoria chefiada por Carlos Augusto de Barros e Silva. Sem ter sido procurado pelos dirigentes, o jogador disse não se importar com os motivos que levaram o clube a não estender seu vínculo por mais temporadas. Ele, no entanto, recordou a relação amistosa que tinha com o ex-presidente do clube, Juvenal Juvêncio, ao especular o que pode ter pesado contra sua permanência.


"Talvez seja o momento de reformulação. Tudo tem um começo, meio e fim. Talvez este seja o fim. O Juvenal poderia estar aqui e acontecer a mesma situação. A minha relação com ele era especial, porque ele era meio maluco como eu. E dois malucos se entendem. Talvez o Juvenal me chamasse para conversar e explicar a situação", afirmou o terceiro maior artilheiro da história do São Paulo, com 211 gols. Luis Fabiano, contudo, disse não sentir qualquer remorso da atual presidência tricolor. "Podem não ter me procurado por conta dos problemas maiores que precisam resolver. O Leco acabou de entrar e eu entendo o lado dele. Não estou aqui para pedir motivos. Foi bom enquanto durou e está ótimo".Luis Fabiano se mostrou chateado por seu último ano no São Paulo ter sido marcado mais pelas controvérsias políticas do que pelo desempenho da equipe dentro de campo. "Foi um ano muito conturbado, problemático e com muitas coisas atípicas. Nesse momento, a diretoria precisa se preocupar com coisas mais importantes do que a renovação de um jogador. Até hoje vemos que não existe um planejamento para o ano que vem e não se sabe quem será o técnico. Entendo essa parte de não ser procurado, pode ser uma renovação de elenco", declarou, sem negar o desejo que nutria de se aposentar na equipe.

"Se houvesse a possibilidade de encerrar a carreira aqui, nós iríamos conversar numa boa pelo carinho e envolvimento que tenho com o clube. Mas isso faz parte do futebol , chegou o momento de seguir a minha vida e o São Paulo a dele. Torcerei do lado de fora", conta.

De olhos marejados durante boa parte da entrevista, o atacante afirmou que tem uma proposta bem encaminhada e definirá seu futuro após a partida deste sábado, contra o Figueirense , no Morumbi. Embora seja o último duelo em que atuará como jogador profissional do São Paulo no estádio em que marcou 124 gols, o atacante se negou a receber homenagens da diretoria. "Eu não preciso de homenagem nenhuma. O que ficará são os números, a história e os gols. Isso para mim é o mais importante. Vamos pensar no jogo de amanhã como a última homenagem, o último jogo feliz. É um sentimento diferente, mas espero decidir com uma vitória e um gol. Se possível um gol que classifique o time à Libertadores . Seria a melhor despedida para mim".

São grandes as chances de Luis Fabiano deixar o clube para acertar com o Tianjin Songjiang, time que disputa a segunda divisão da China e conta com Vanderlei Luxemburgo no banco de reservas. A informação dos bastidores é de que o São Paulo economizará R$ 20 milhões anuais com os salários que deixarão de ser pagos ao Fabulo e a Rogério Ceni e Alexandre Pato. O goleiro se aposentará no final do ano, enquanto o atacante será devolvido ao Corinthians .

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

21 de novembro de 2015

Luis Fabiano é presenteado com camisa pelos 350 jogos no São Paulo

Tendo alcançado a importante marca de 350 jogos disputados com pelo São Paulo na noite da última quinta-feira, Luís Fabiano foi homenageado antes da partida com uma camisa que estampava nas costas o número das partidas em que atuou. O presente foi dado em mãos pelo presidente Leco.



Além do feito em relação a partidas disputadas, o Fabuloso ampliou outra marca relevante que ostenta no clube. Ao marcar diante do Atlético Mineiro, o camisa 9 chegou a 211 pelo Tricolor, e diminuiu mais um pouco a sua distância a Serginho Chulapa, com 242, e Gino Orlando, com 233 gols, os únicos artilheiros que superam Luis Fabiano na história da equipe.

Feliz com a conquista atingida, o atacante comentou que seu desejo é seguir atuando no restante dos jogos de 2015: "É uma marca legal. Fico feliz de chegar a esse número. Espero que consiga fazer, ao menos, 353 até o fim da temporada".

Apesar da homenagem e da celebração de Luís Fabiano, seus números pelo São Paulo, tanto de jogos como de gols, poderão não ser mais ampliados durante muito tempo. Com o término de seu contrato acontecendo no final da atual temporada, o jogador tem chances de deixar o Tricolor no próximo ano, uma vez que são boas as chances de que a diretoria não renove seu vínculo.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...