12/31/2008

Destaques do ano da Seleção - Luís Fabiano


Por onde Luís Fabiano passa, deixa sua marca de artilheiro. Revelado pela Ponte Preta, o atacante logo despertou interesse do Rennes, da França, onde permaneceu por uma temporada. Somente após ser contratado pelo São Paulo, em 2001, mostrou ao Brasil quem realmente é.

Quatro temporadas de muitos gols pelo time do Morumbi renderam ao atacante sua primeira convocação para seleção brasileira e a transferência para o Porto, de Portugal, onde ajudou a equipe lusa a conquistar o Mundial Interclubes de 2004. Mas foi no ano seguinte que ele começou a brilhar de verdade.

Luís Fabiano chegou ao Sevilla em 2005 com status de craque e vestiu a camisa 10 de seu novo clube. O faro de gol, a raça e as ótimas atuações fizeram com que os espanhóis passassem a chamá-lo de “Fabuloso”. Não por menos. O atacante foi fundamental no Sevilla na conquista de cinco títulos - duas Copas da Uefa, uma Supercopa da Espanha, uma Copa da Espanha e uma Supercopa Européia.

O melhor na carreira de Luís Fabiano ficou guardado para 2008. Se firmou como titular absoluto no ataque da seleção brasileira e terminou o ano com chave de ouro: artilheiro canarinho e três gols anotados em sua estréia com a chuteira Mercurial, na goleada por 6 a 2 sobre a forte seleção portuguesa, no último jogo da temporada.

Mais informações clique aqui e entre no site da Nike.

Te Amo Fabuloso e sempre estarei contigo!
♥________________________________________♥

2 comentários:

  1. Foi merecido! O cara jogou muito, foi realmente o melhor da seleção, que fique assim até a copa!

    ResponderExcluir

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga-Nos!

Insta-Me!