9/11/2009

Para bater recorde de Zico, Luis Fabiano quer enfrentar Bolívia em La Paz

11/09/2009 - A CBF estuda com a comissão técnica da seleção brasileira a possibilidade de levar uma equipe Sub-23 para enfrentar a Bolívia, no dia 11 de outubro, em La Paz. A medida soa como retaliação ao fato de ter que jogar numa altitude de 3.660 metros acima do nível do mar.

Se for confirmada, esta decisão vai atrapalhar Luis Fabiano. O atacante do Sevilha que marcar, no mínimo, três gols nos dois últimos jogos do Brasil nas eliminatórias da Copa do Mundo. Ele tem um objetivo: “Quero chegar aos 12 gols e bater o recorde do Zico e do Romário”.

Por isso, se pudesse, Luis pediria ao técnico Dunga que o levasse para os confrontos contra Bolívia e Venezuela. Mas ele não pode e sabe disso. Com a seleção já assegurada na Copa do Mundo de 2010 e a condição de titular do ataque brasileiro, Fabiano evita qualquer turbulência.

Afinal, ele sabe o que é ficar fora de um Mundial. O artilheiro formado na Ponte Preta (SP) viu pela televisão a Copa do Mundo de 2006, na Alemanha. Perdeu a vaga para Adriano, hoje seu reserva no time de Dunga. “Não dá para bobear”, disse ao Blog do Boleiro em entrevista por telefone.

Com nove gols em 10 partidas nas eliminatórias, Luis Fabiano lidera a lista dos artilheiros do torneio. Depois de cavar sua presença no time de Dunga com uma atuação eficaz diante do Uruguai, em novembro de 2007, ele lidera a disputa por uma vaga no ataque. Hoje, ao lado de Robinho, é considerado nome certo na África do Sul.

Adriano (Flamengo) e Nilmar (Villareal) estão na briga por duas outras vagas. Eles enfrentam a concorrência de Vagner Love (Palmeiras), Diego Tardelli (Atlético Mineiro) e, o mais notório de todos, Ronaldo (Corinthians).

Luis Fabiano se tornou amigo de Nilmar. Eles dividem o quarto na concentração da seleção, desde a disputa da Copa das Confederações. Depois de fazer três gols contra o Chile, Nilmar agradeceu o parceiro que tinha telefonado para ele antes de voltar para a Espanha.

Curiosamente, Luis Fabiano – que não enfrentou os chilenos porque estava suspenso – admite que só soube do feito de Nilmar no dia seguinte.

Confira a entrevista do Fabuloso para o Blog do Boleiro

Blog do Boleiro – Você acompanhou a vitória do Brasil sobre o Chile?
Luis Fabiano – Rapaz, eu não vi não. Eram três da madrugada aqui em Sevilha. Eu dormi. Mas depois eu acompanhei os melhores momentos pela internet.

O que você achou do desempenho do Nilmar?
Foi bem, né. Ele é bom. É rápido, tem qualidade e aprendeu umas coisas comigo (risos)

Como assim?
A gente dorme junto, quer dizer, a gente divide quarto na seleção. Desde a Copa das Confederações, a gente anda junto direto. Aí, antes de embarcar prá cá, eu liguei pro Nilmar.

Ele disse isso depois do jogo. Falou que você previu os gols dele.
Não previ. Eu tinha certeza. Afinal, passei uma “experi” (experiência) pra ele (risos).

O estilo de jogo dele combina com o seu?
Na seleção, tem que combinar. A gente se enquadra dentro de campo. Todos os atacantes que estão lá podem fazer isso.

Você acha que vai à Copa do Mundo? Está seguro?
Eu me sinto seguro. Acho que se continuar o que venho fazendo voiu estar na Copa. Fiz por merecer até aqui. Agora, está cedo ainda. O treinador confia em mim, e isso é o mais importante.

Menos de dois anos atrás, você falou ao Blog do Boleiro que não sabia o que fazer para ser convocado pelo Dunga.
Pois é. Lembra? Eu estava bem, fazendo gols no Sevilha. E queria muito jogar na seleção.

Você substituiu o Afonso Alves e marcou dois gols no Uruguai.
Ah, eu encarei aquela convocação como minha última oportunidade. Se não fosse bem, não voltava para a seleção. Botei na cabeça que tinha que jogar bem e aproveitei. Também não tinha nada a perder.

Como assim?
Ninguém acreditava mais em mim. O Brasil vivia um momento de busca de um atacante para a seleção. Eu não vinha sendo chamado. Estava claro na minha cabeça que esta seria a última chance.

Por que tanta vontade de jogar na seleção? Afinal, não deve ser por cause de dinheiro ou de fama.
Não. Esse não é o problema. Quer saber? Eu quero disputar uma Copa do Mundo. Este é o campeonato que todo jogador de alto nível precisa disputar e, mais ainda, precisa ganhar. É o máximo da carreira de um atleta em termos coletivos. Individualmente, tem o prêmio de melhor do mundo da FIFA e também a Chuteira de Ouro na Europa. Mas, quando parar de jogar, quero ter no meu currículo que disputei uma Copa do Mundo. Além disso, vestir a camisa da seleção brasileira é uma coisa maravilhosa.

Jogar na seleção rende também alguns patrocínios. A Nike já está colocando você nas novas campanhas.
É, já anúncio comigo aqui na Espanha. Mas pode se preparar que tem mais surpresas ainda este ano. Estou negociando em empresas de propaganda. Já, já aparece coisa nova. Seleção tem esse lado: ela proporciona muita coisa para o jogador e ele tem que aproveitar.

Você está negociando com a Juventus da Itália?
Até o momento não chegou nada. Bom, este nem é o momento para se falar de transferência. A janela já fechou. Isso é muito boato e pouca verdade.

Além de disputar um Mundial você tem outros objetivos?
Quero bater o recorde do Zico e do Romário nas eliminatórias. Eles já marcaram 11 gols. Se eu jogar os dois jogos que faltam e fizer três gols, passo os dois e me torno o maior artilheiro do Brasil em eliminatórias.

Mas a CBF fala em mandar time reserva para a Bolívia.
Olha, se for convocado, eu vou com a mesma vontade que fui para jogar contra a Argentina. A decisão é da comissão técnica. Mas gostaria muito de jogar e tentar quebrar esta marca do Zico.

Como você está fisicamente?
Então. Não fiz a pré-temporada com o Sevilha. Depois da Copa das Con federações, tirei uma folga. Quando me apresentei, o time já estava treinando. Tive menos de duas semanas e, depois de treinar cinco dias, já joguei. No começo foi um pouco desgastante. Os músculos doíam. Agora me sinto bem melhor.

Você voltou na quarta-feira. Já treinou?
Treinei na quarta-feira. Já cheguei tirando os sarro dos argentinos. Tem quatro lá no Sevilha (Perotti, Fazio, Duscher e Acosta) e não iria perder esta oportunidade. Se a gente tivesse perdido para a Argentina, eles iriam me alugar.

Você torce para que a Argentina consiga a vaga na Copa de 2010?
Sinceramente, gostaria muito que eles se classificassem. Este Mundial já vai ficar sem algumas seleções de bom nível. Portugal, França e Turquia estão quase fora. Ficar sem a Argentina também seria chato. Agora, se eles não se cuidarem, não vão não para a África do Sul. Se jogarem o que jogaram contra a gente, não vão se classificar.

"LuisFa, você é MAIOR e passa por cima de todos os críticos"
Participe da nossa Comunidade no ORKUT
♥_______________________________________________♥

3 comentários:

  1. Ele no momento está sendo o 'cara' jogou muito contra a Argentina e seria o máximo ve-lo enfrentando a Bolivia, afinal irá ser gol na certa, mais dúvido muito que a CBF e o senhor Dunga irá convoca-lo.

    MOTIVO: Eles não irão gostar de ver o Fabuloso ultrapassando o Zico e Romário e se tornar o maior goleador nas eliminatórias

    É uma pena!
    Democracia na CBF é complicada.

    Abração Pam e como sempre desejo mais e mais sucesso para o seu Fã Clube e para o Seu ídolo!

    ResponderExcluir
  2. Esse Luis Fabiano é fominha heim? rsrsrsrsrs, mas ela ta mais que certo, e tomara que ele jogue então, e aposto que se jogar vai fazer o dele. duvida? grande beijos Pãm.


    Saudações do Gremista Fanático

    ResponderExcluir
  3. Que jogue então e marque mais gols para se consagrar de vez, o cara ta merecendo!
    Ronaldo para mim já era, perdeu o lugar, ataque teria que ser luis fabiano e nilmar, os dois ia arrepiar as zagas

    ResponderExcluir

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga-Nos!

Insta-Me!