9/19/2012

Seleção aposta em artilharia pesada no Superclássico contra a Argentina


A defesa da Argentina terá de ser forte, muito forte, para segurar a artilharia pesada que a seleção brasileira preparou para o jogo desta quarta-feira, às 22h, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pelo Superclássico das Américas. Afinal, o trio formado por Lucas, Neymar e Luis Fabiano soma 71 gols nesta temporada.

Principal jogador da Seleção, Neymar balançou 36 vezes as redes pelo Santos. Lucas, negociado recentemente com o Paris Saint-Germain por R$ 108 milhões, fez 11 gols pelo São Paulo. Também pelo time do Morumbi, Luis Fabiano, longe da Seleção desde a Copa do Mundo de 2010, colocou 24 bolas nas redes adversárias.

Se a isso forem somados os gols que cada um deles tem com a camisa da seleção brasileira, o número passa a ser 117. Luis Fabiano, com 28 gols, é o maior artilheiro dos últimos dez anos com a amarelinha. Neymar, principal goleador da era Mano Menezes, já tem 16. Lá atrás aparece Lucas, com apenas dois.

Um desses dois, no entanto, foi justamente contra a Argentina, na grande decisão do Superclássico do ano passado, em Belém. Lucas abriu o placar aos oito minutos do segundo tempo e Neymar, aos 29, sacramentou a vitória por 2 a 0. Aquele feito, por sinal, não sai da cabeça do meia-atacante são-paulino.
- Foi um momento muito especial jogar contra a Argentina e fazer um gol. Aquele foi meu primeiro e único título como profissional até aqui - comentou Lucas.

Luis Fabiano é outro que tem ótimas recordações de duelos com a Argentina. O atacante do São Paulo jamais perdeu para os hermanos. São duas vitórias e dois empates. Em um deles, aliás, a vitória nos pênaltis deu o título da Copa América de 2004. O Fabuloso ainda fez dois no triunfo por 3 a 1, em 2009, pelas eliminatórias.

- Aqueles gols tiveram um sabor especial pelo que envolvia a partida. A vitória nos deu a classificação para a Copa do Mundo e falavam muito de Messi lá. Levaram o jogo para Rosario para fazer uma pressão na gente. Ganhar da Argentina e ver um estádio inteiro calado é mais gostoso - relembrou Luis Fabiano.

Curiosamente, neste primeiro desafio do Superclássico das Américas, o ataque da Argentina também pode ser "brasileiro": o técnico Alejandro Sabella deve mandar a campo a dupla Barcos, do Palmeiras, e Martinez, do Corinthians. Os argentinos que atuam no Brasileirão, porém, prometem não aliviar.

- É uma oportunidade única, sempre trabalhei para isso. Creio que posso ajudar a Argentina. Tenho que aproveitar este momento - disse o palmeirense Barcos.

A provável escalação da Argentina, porém, prevê um time bem defensivo para encarar a artilharia pesada do Brasil. São três volantes, incluindo também Guiñazu, do Internacional. O outro "brasileiro", Montillo, do Cruzeiro, pode aparecer no lugar de Martinez. Essa é uma das dúvidas do treinador hermano.


BRASIL X ARGENTINA
Jefferson; Lucas Marques, Dedé, Réver e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Jadson; Lucas, Neymar e Luis Fabiano. Ustari; Vergini, Sebá Dominguez e Desábato; Peruzzi, Maxi Rodriguez, Ponzio (Braña), Guiñazu e Clemente Rodríguez; Martinez (Montillo) e Barcos.
Técnico: Mano Menezes Técnico: Alejandro Sabella
Data: 19/09/2011. Local: estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO). Árbitro: Carlos Amarilla (Paraguai). Auxiliares: Rodney Ubaldo Aquino e Carlos Santiago Caceres (ambos do Paraguai)


Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO

Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga-Nos!

Insta-Me!