5/30/2010

Chuteiras personalizadas viram moda na busca pelo hexa


30/05/2010 - Todo jogador gosta de demonstrar o amor por seus entes queridos ao entrar em campo. Seja com um gesto ou com uma comemoração diferente, o que vale é deixar o recado. Mas a partir do dia 15 de junho, quando o Brasil estrear na Copa do Mundo, os 23 convocados pelo técnico Dunga vão demonstrar o seu carinho pelos filhos, esposas ou mães na ponta da chuteira. Personalizadas, elas viraram moda na seleção.
Artilheiro da seleção, o atacante Luís Fabiano coloca suas iniciais "LF9" em um pé, e no outro as iniciais dos nomes da esposa (Juliana) e das filhas (Geovanna e Gabriela), o que forma a sigla "JGG".
Os jogadores brasileiros também procuram seguir a risca o tradicional lema "pátria na chuteira". Dos 23 atletas, nove pediram para se gravar no calçado a bandeira do Brasil. E não são apenas os bordados que chamam a atenção. Alguns atletas pedem aos fabricantes modelos sob medida. No caso da Nike, que trabalha com 14 jogadores da atual seleção, Elano e Luís Fabiano tem calçados diferenciados. Enquanto o primeiro gosta de travas a mais no solado, o outro prefere um material mais macio no peito do pé e no bico da chuteira. Na Itália, a empresa tem uma fábrica para produzir os modelos exclusivos dos maiores craques, com medidas e especificações detalhadas de cada um.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga-Nos!

Insta-Me!