10/28/2011

Luis Fabiano se machuca após 577 minutos de jogo em 24 dias‎

Menos de um mês depois de encerrar a longa espera de sete meses e estrear pelo São Paulo, Luis Fabiano retornou ao departamento médico.

O centroavante precisou ser substituído no intervalo da derrota por 2 a 0 para o Libertad, anteontem, devido a dores musculares na coxa direita e, segundo o técnico Emerson Leão, não irá enfrentar o Vasco no domingo.

O médico José Sanchez ainda não sabe precisar a gravidade da contusão. O local das dores está inchado, e o camisa 9 só será submetido hoje aos exames que apontarão o que realmente aconteceu.

"Ele já reclamou dessas dores antes. Mesmo que não seja nada grave, é preciso ter cautela", afirmou Sanchez.

Segundo o médico, Luis Fabiano corria um risco maior de ter uma contusão muscular devido ao longo tempo em que ficou afastado do futebol por uma série de problemas no tendão do joelho direito.

E a maratona de jogos a que foi submetido desde a volta só aumentou o perigo.

"O ideal seria ele jogar a cada dez dias, fazer trabalho de fortalecimento. Mas teve de jogar quarta e domingo. É o problema deste calendário."

Mas, se a situação do atacante era débil e ele necessitava de uma carga mais leve de jogos, o São Paulo abusou.

Nos 24 dias entre a estreia e a contusão, o time teve sete compromissos, e Luis Fabiano participou de todos. Em cinco deles, atuou o tempo todo saiu no primeiro jogo e no duelo de anteontem.

No total, ficou em campo por 577 minutos. E seu rendimento nem tem justificado o risco de insistir em utilizá-lo.

O centroavante só fez um gol até aqui. Ainda sem ritmo, tem sido pouco atuante durante as partidas. Já perdeu um pênalti e cometeu outro de maneira infantil.

"Estou fazendo o meu trabalho com honestidade e dando o meu melhor. Mas o meu melhor não está sendo suficiente", afirmou Luis Fabiano, que disse ainda que vinha jogando normalmente porque se sentia "legal".

Questionado sobre se o São Paulo não deveria ter poupado o centroavante em alguns jogos, o diretor de futebol do clube, Adalberto Baptista, limitou-se a dizer que "caberia ao departamento médico e à comissão técnica o colocar em condições de jogo."

Com o Brasileiro como único caminho para se classificar à Libertadores, o São Paulo terá dificuldade para armar o ataque ante o Vasco, já que Dagoberto está suspenso.

Siga-nos pelo Twitter - http://www.twitter.com/FC_OFABULOSO


Veja vídeos do Fabuloso no Youtube - http://www.youtube.com.br/fcofabuloso

Participe de nosso Fórumhttp://luisfabianomatador.webnode.com.br/

Saudações Fabianistas*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga-Nos!

Insta-Me!